sexta-feira, 8 de maio de 2009

Flash: quando devemos usar?

Hoje de manhã recebi um comentário da Daiane Santana do blog Vivo Verde, onde ela diz que sua câmera está sem flash. Decidi falar um pouco sobre o flash, pois (ao menos para mim) é um assunto um tanto delicado quando se trata de câmeras automáticas.


> O PROBLEMA

O flash das câmeras automáticas geralmente é muito forte e direto, e isso implica muitas vezes em um objeto em destaque excessivo contra um fundo subexposto (ou seja: escuro e sem detalhes). Por esse motivo, eu evito ao máximo utilizar o flash.

No entanto, algumas situações simplesmente exigem a utilização do flash. Mas então, o que fazer nesses casos?

Antes de mais nada, não deixe o flash em modo automático. Quando esse modo está acionado, o flash irá disparar quando a câmera detectar pouca luz no ambiente - o que acontece em 90% dos casos. O problema é que na maioria das vezes em que a câmera acha que precisa de iluminação extra, você verá que não há necessidade de utilizar o flash.

Certas câmeras oferecem algumas possibilidades de ajustes manuais no flash, como maior ou menor intensidade e luz de preenchimento. Teste essas opções e conheça as diferenças entre elas - já é um ponto a seu favor.


> QUANDO UTILIZAR

Vejamos algumas situações que podem ser melhoradas com o auxílio do flash:

  • flash de preenchimento: se você vai fotografar uma pessoa sob o sol do meio-dia, ou com a luz do sol vindo por trás de seu corpo, obterá silhuetas. Para evitar esse efeito e registrar os detalhes do modelo, utilize o flash com baixa intensidade. Abaixo, um exemplo de flash de preenchimento aliado à luz natural.


  • flash direto: é o tipo de flash que produzirá sombras duras e dará destaque ao objeto principal em detrimento do fundo. Mas se você pretende registrar um encontro com seus amigos e o fundo não tem a menor importância, utilize esse modo. Há ainda o risco do temido efeito "olhos vermelhos", mas não é difícil corrigir isso no Photoshop.

Exemplo de flash direto utilizado para destacar os modelos em
primeiro plano (retirado do Flickr do meu amigo Denison Fagundes)



> ALTERNATIVAS AO USO DO FLASH

Se você não quiser de forma alguma utilizar o flash existem algumas opções simples que podem resolver seu problema:
  • utilize uma lanterna: isso mesmo, utilize uma lanterna! Você conseguirá iluminar seu objeto de forma suave e capturar os detalhes; mas isso só vale se o tamanho do objeto não for muito grande.
  • fotografe contra o sol: não é muito confortável para a pessoa que estará sendo fotografada, mas os detalhes ficarão bem visíveis.
  • escolha um cenário bem iluminado: se a foto será feita em ambiente interno ou à noite, procure um local que seja bastante iluminado. Pode ser embaixo de uma lâmpada - mas cuidado aqui também com o efeito das silhuetas e sombras!
.

Veja também: Automáticas, Dicas, Flash, Luminosidade

6 comentários:

vivoverde disse...

Oba!!

Muito obrigada pela atenção e também pela indiação aqui ...

Bom, pois ;e.. destas dicas que vc deu no final, eu as uso... só não a da lnterna rs mas é bem interessante, na minha máquina tem uma opção que salva a pátria, maas agora me esqueci... ela tem uma mãozinha tremendo... ela captura bem a iluminação do meio!!

Abraços aeh ^^ valeu

bootsmadeforwalking disse...

NOSSA , ACHEI O BLOG INCRÍVEL, UM MANUAL, UM ARSENAL. VISITAREI SEMPRE!

Motte Valois disse...

parabesn pelo blog! FLASH eh algo proibido, na minha opiniao. nao uso em nenhum tipo de circunstancia. Se tua camera nao tiver iso 800 ou maior, jogue fora e compre uma camera nova!!!(risos)

Um abraco! Parabens pelo blog, te visitarei mais vezes!

lufotografias disse...

Ellen, adorei suas dicas.
Realmente o flash às vezes atrapalha a fotografia. É necessário mesmo saber usar.
Parabéns pela matéria!
Bjos,
Luka

Mila_Dark_Angel disse...

Adorei suas dicas

belo post ^^

__________________

Aproveitando pra divulgar meu video

Para toda ação...uma reação
http://www.youtube.com/watch?v=UPlfxvf0-B4

Assistam e comentem pliz ;)

Anônimo disse...

QUEHDBZV SGREUSDBDSG NAYANE CAROL LEVE LUCAS

Postar um comentário