12 dicas básicas para tirar melhores fotos com qualquer câmera

Para fotos mais atraentes, devemos considerar o momento da composição: quando enfatizamos alguns detalhes no instante em que a fotografia é feita, a pós-edição pode até ser dispensada.

Com câmera de celular, amadora ou profissional, é possível conhecer as funcionalidades de seu aparelho e conseguir fotos melhores. É muito mais fácil do que parece! Selecionamos 10 dicas simples e aplicáveis ao cotidiano, que trarão a você grandes diferenças no resultado final. E aí, vamos preparar a câmera para a praticidade? 


1 ENQUADRAMENTO: USE A REGRA DOS TERÇOS NA COMPOSIÇÃO DE SUA FOTO

Tente fugir do clichê do assunto sempre no meio da foto. Deslocar o objeto principal da imagem para algum ponto que não seja o centro pode fazer toda a diferença e deixá-la ainda mais interessante.

O que fazer?

Divida mentalmente o visor da câmera em três colunas e três linhas, como se fosse um jogo da velha OU acione este recurso em seu aparelho (diversas câmeras oferecem esse recurso, que pode ser visualizado na tela de LCD; a maioria dos celulares modernos também; verifique as configurações de seu aparelho). 


Posicione nas intersecções das linhas os pontos que você considera mais interessantes na cena. 
Ao deslocar o objeto central de uma imagem, a composição se torna equilibrada e atraente (imagem: Daily Post)

Nas linhas propriamente ditas também podem ser mostrados pontos de destaque - como por exemplo os olhos de uma pessoa ou o horizonte. 

Na fotografia, esse cálculo é popularmente conhecido como "a regra dos terços".



Atualmente, um número crescente de pessoas vêm optando por registrar suas fotografias com câmeras automáticas e analógicas, a fim de obter maior controle no momento de captura da imagem.  
Nikon Coolpix


Outra vantagem de ter um aparelho exclusivo para registrar fotos e vídeos, além da qualidade final dos arquivos, é sua durabilidade e preço acessível - desde 2009, a média de preço das câmeras automáticas vem baixando. 


2 COMO TIRAR MELHORES RETRATOS

Ei, você: aproxime-se! Quando o assunto da foto é sua amiga, seu filho, um cliente, uma planta ou um prato, o que se quer mostrar são eles! Ainda que o ambiente seja lindo, tente livrar o quadro de composição do excesso de elementos.
Um close pode render resultados surpreendentes: aproveite o zoom ótico de sua câmera (foto: jeffcbowen)


Não tenha medo de chegar mais perto: evite que o assunto principal da foto se perca em meio ao excesso de informação. Manter o mínimo de elementos no cenário do retrato dá força ao sujeito principal.

Quer retratar o assunto e todo o cenário? Na dúvida, tire proveito do espaço de armazenamento disponível em seu cartão SD (há diversas opções baratas a partir de R$10,00, adaptáveis a vários dispositivos) e faça retratos a diferentes distâncias. Vale tirar fotos a mais (que depois podem ser eliminadas).  


3 HÁ CENAS QUE EXIGEM O USO DO FLASH 

Um ambiente escuro não é o único lugar onde o flash se faz necessário. Em uma foto contra a luz do sol, por exemplo, o flash da câmera pode ser usado como preenchimento, para deixar nítidos certos detalhes e evitar a formação de sombras.

Foto sob luz natural, sem utilização de flash; repare que as sombras estão acentuadas.

Foto sob luz natural, com flash de preenchimento - equilíbrio entre sombras e luzes altas.
Quando você tirar uma fotografia de alguém com uma fonte de luz ao fundo, note que a luz fica brilhante e a silhueta da pessoa se destaca. Neste caso o flash irá suprir a falta de luz, deixando todos os pontos da foto visíveis.
Flash pessoal: acoplado à entrada do fone
de ouvido, para selfies com ar de estúdio.
Existem no mercado luzes de flash para acoplar ao celular - para dar aquele up nas fotos feitas com a câmera dianteira - por menos de R$20,00 - cerca de 20x mais econômico que um equipamento profissional. Além de econômico, esse gadget funciona com uma fonte de alimentação tamanho P2, ou seja: ele deve ser encaixado na entrada do fone de ouvido do celular, o que o torna compatível com todos os aparelhos disponíveis.


4 FIQUE ATENTA AO BACKGROUND DA IMAGEM

Tenha muito cuidado ao selecionar o local onde você vai tirar uma foto. A escolha do que aparece ao fundo é tão importante quanto o que vem em primeiro plano.

Em alguns casos, o fundo chama mais atenção que o sujeito em primeiro plano (foto: newsetofwings)
Cores vibrantes, linhas e outros objetos podem interferir ou desviar a atenção do tema central da foto. Um desvio engraçado, porém muito comum, é fotografar alguém em frente a uma árvore onde os galhos parecem formar chifres sobre sua cabeça.

5 DESLIGUE O FLASH DA CÂMERA

Uma das tópicas mais complicadas na fotografia é o aprendizado do uso do flash de forma corretaDisparar o flash muito em cima do assunto pode deixar a foto clara demais; muito longe, escura.

Vale lembrar que o flash tem um alcance limitado - geralmente, entre três e cinco metros (às vezes, com a utilização de uma lâmpada específica, atinge distâncias maiores). Não adianta deixar o flash ligado se o foco é um objeto que está 30 metros longe de você.

Um bom exemplo de uso desnecessário do flash é quando se está fotografando um show: é um caso em que não há necessidade alguma de iluminação extra. 
Cabeças iluminadas pelo flash da câmera = pouco destaque para o assunto principal (imagem: Video Blocks)

A luz do palco é mais do que suficiente para sua foto; usar o flash só vai iluminar as cabeças de quem estiver à sua frente.


6 OLHE NOS OLHOS E OBTENHA RETRATOS PROFUNDOS

Tire fotos na altura dos olhos da pessoa. Para tirar foto de criança fique de joelhos, sente, se atire no chão. 
Procure posicionar-se ao nível dos olhos do sujeito (foto: Parmanand Singh)

Faça o necessário para ficar ao nível da pessoa que está sendo retratada. Há situações em que um tripé pode ajudar bastante no momento de encontrar (e manter) o nível certo; veja qual é o mais adequado para sua câmera ou celular

7 COMO CONSEGUIR MELHORES FOTOS COM ELEMENTOS VERTICAIS

Alguns assuntos demandam uma foto vertical. Destacar os motivos verticais que fazem parte da cena pode ser uma boa alternativa na hora de fotografar elementos arquitetônicos e urbanos.
"Verticalizar" pode ser uma boa saída quando temos elementos arquitetônicos na composição (imagem:  BrooklynC64)

Se ele possuir mais linhas verticais, como um farol ou uma escada, vire a câmera de forma a obter uma imagem mais comprida do que larga.

8 APROVEITE A LUZ NATURAL

A luz do sol é uma excelente aliada: aproveite-a sempre que possível. Posicione-se de maneira que a fonte de luz fique atrás de você - assim, a cena que está sendo fotografada deve ficar bem iluminada (e com aspecto mais nítido). Na maioria dos casos, um simples passo para o lado pode fazer toda a diferença.
A luz difusa pode suavizar a imagem (foto: a-t-e-n-g)

A luz difusa de um dia nublado é excelente para realçar cores e suavizar contornos; aproveite esses dias para tirar retratos.


9 INVISTA NAS CORES: SAIBA COMO AJUSTAR A FUNÇÃO WHITE BALANCE DA CÂMERA

A maioria das câmeras digitais e smartphones permite fazer ajustes no controle de cor (também conhecido como balanço do branco, white balance ou WB). Esse controle de cor faz com que o branco pareça realmente branco sob determinada fonte de luz (lâmpada fluorescente, incandescente, luz natural, etc). 

Portanto, deixar que a câmera faça esse ajuste automaticamente não é o mais indicado para quem quer fidelidade.

A configuração para dias ensolarados, normalmente indicada pelo ícone de um sol, confere um tom mais amarelado às fotos; para dias nublados, predominam os tons frios. 


Um pequeno ajuste no balanço do branco altera o clima de qualquer imagem: 
acima, a mesma cena com diferentes WB

Teste todas as opções de WB de sua câmera. Assim você saberá quando utilizá-ls, e poderá criar cenários variados conforme a luz disponível, ou até mesmo efeitos especiais.


10 SAIBA QUANDO UTILIZAR O ZOOM

No item #2, lembramos o quanto é importante se aproximar do assunto fotografado para captar maiores detalhes, texturas e expressões. Entretanto, é impossível negar que o zoom já deixou muita gente na mão, na hora H.

Como e quando, então, devo utilizar o zoom como ferramenta de aproximação em minhas imagens? 

Procure sempre utilizar o zoom óptico de seu aparelho - se possível, desative a opção "zoom automático", no menu de configurações > zoom.

Esse mecanismo de zoom utiliza a lente da câmera para gerar uma aproximação mecânica, enquanto o modo automático faz um recorte da cena, o qual é ampliado como uma cópia - gerando imagens pixeladas


As câmeras dos smartphones oferecem zoom óptico com aproximação limitada - em média, 4 vezes. 
Dispositivos como esta lente telescópio são opções para aumentar
o desempenho de seu celular: além de barata, se adapta a todos os modelos.

Tal entrave possui hoje uma solução simples e acessível: esta pequena lente telescópio (R$25,00, em média) pode ser acoplada ao seu celular e fixada com auxílio de um clip universal. É compatível com todos os modelos de smartphone e oferece zoom óptico de 10 vezes!

11 EXPERIMENTE O MÁXIMO POSSÍVEL COM SUA CÂMERA

Esta é a melhor dica: experimente. O segredo da fotografia está na tentativa e erro. Leia de cabo a rabo o manual da sua câmera para saber do que ela é capaz, e teste todas as configurações possíveis.

Valorize a técnica, mas sem ficar totalmente preso às regras (imagem: campusbasketexperience)

A fotografia é muito subjetiva, não há regras exclusivas. O mais importante é aprender a utilizar a luz e as funções de sua câmera, e com a prática o resultado se fará visível em seus experimentos. 


12 QUER APROFUNDAR SEUS CONHECIMENTOS E TRABALHAR COMO FOTÓGRAFO PROFISSIONAL?

Comece ainda HOJE! Clique abaixo, receba seu acesso ainda hoje e se junte oficialmente a família de mais de 3000 alunos dos cursos oficiais do Cara da Foto. Fotografia é vida e fotos espetaculares estão ao alcance de qualquer um de posse do conhecimento certo.

Clique aqui para se inscrever no Curso de Introdução à Fotografia Digital na Prática, e tenha acesso a conhecimentos profissionais.




Clique aqui para se inscrever no Curso de Introdução à Fotografia Digital na Prática agora mesmo!

Share on Google Plus

Sobre Ellen

Professora e escritora, amante de verde e tecnologia