sexta-feira, 2 de outubro de 2009

Técnicas fotográficas avançadas: preto e branco

Eu adoro fotografias em preto e branco - na verdade, acho que quase todo mundo adora. Uma fotografia em preto e branco pode transmitir um ar de mistério e coisa antiga, causando uma curiosa sensação de nostalgia ao espectador.


Foto: Sonnenaufgang

Com esse efeito você pode conseguir imagens impactantes e dramáticas, mas para isso não basta apenas passar o ajuste da câmera de colorido para preto e branco; claro que você terá que fazer isso, mas também é preciso estar atento a outros pequenos detalhes.

É possível transformar fotografias coloridas em PeB através do
Photoshop ou outros programas de edição de imagens, mas é sempre recomendável fazer o ajuste diretamente na câmera. E também não é qualquer fotografia que deve ser transformada em preto e branco - na verdade, muitas imagens até ficariam sem-graça sem as cores.

Mas então, quando devemos optar pelo preto e branco? E em que devemos prestar atenção ao fotografar com esse efeito?


> CORES OU PRETO E BRANCO?

Essa é a primeira pergunta que você deve se fazer: qual será a vantagem de registrar a cena que estou vendo em preto e branco? Se o cenário oferece formas interessantes e poucas cores, talvez seja melhor investir no PeB; mas se você está fotografando um jardim florido, PeB pode não ser a melhor opção.














Vejamos o exemplo acima: a foto colorida chama nossa atenção diretamente para a flor (não apenas por estar no centro do enquadramento, mas pela vibrante combinação de cores); já a foto da direita não nos mostra formas atraentes e os tons de cinza a deixam uniforme e "apagada". É um dos casos em que PeB não seria uma boa escolha.

Por outro lado, uma fotografia colorida que não tem nada de mais pode vir a ser algo fantástico em preto e branco.


Foto: Alin Ciortea

PeB é uma ótima opção quando o fundo é confuso e você quer destacar um objeto ou sujeito específico. Fotógrafos urbanos costumam utilizar esse recurso para atrair a atenção imediatamente para o assunto principal da foto, já que as ruas das grandes cidades costumam ser movimentadas e multicoloridas.

Retratos também podem ficar mais interessantes em preto e branco. Nesse tipo de fotografia, o que vale mesmo é ousar: você pode fotografar com flash, contra o sol, etc; basta prestar atenção em certos pormenores (veja detalhes no próximo tópico).


Foto: Pedro Meyer


> FORMAS

Como aqui as cores não estarão presentes, você precisará prestar mais ateção a formas e contrastes.
Enfim, coisas que seriam secundárias numa foto colorida acabam se tornando fundamentais quando fotografamos em preto e branco.

Não que você deva descartar as dicas de composição utilizadas para fotografar em cores (de forma alguma!). Elas são tão válidas aqui como seriam em outros casos, mas devemos estar atentos a sombras, contrastes entre claro e escuro, texturas - ou seja: tudo o que possa formar algum ponto de interesse na foto. É apenas uma questão de treino, acredite: logo você notará esses detalhes instantaneamente.


Dias nublados e com pouca luminosidade são ótimos para fotografar em PeB, pois sombras e outras alterações ficarão mais evidentes. Observe como existem diferentes tonalidades na imagem abaixo, tanto no céu como na grama - isso não seria possível em um dia de sol.


Foto: zwartwitfotografie.com

Se você pretende fotografar paisagens em um dia ensolarado, escolha um momento em que a luz do sol estiver incidindo lateralmente (depois das 16h é um bom horário).


> AJUSTES


Você pode usar e abusar dos recursos que sua câmera automática oferece: flash, ajuste de brilho, tempo de exposição... teste tudo o que for possível para saber o que mais irá lhe agradar.


Mas uma coisa vale como regra geral: utilize baixos valores de ISO (clique aqui para saber o que é e quais são os valores do ISO). Quanto maior o valor do ISO, maior é o ruído, e issopode ser percebido claramente em fotografias PeB.



(+) BÔNUS!


Veja aqui uma inspiradora seleção de fotos em PeB feita pela Smashing Magazine!
.

Veja também: Luminosidade, Preto e branco, Técnica

13 comentários:

Augusto M. Garrucho disse...

Interessante... Nunca me senti à vontade para fotografar em P/B. Sempre que quis, coloquei assim depois da foto coloria, por mania de querer ter a original colorida; mas desta forma dá pra pensar de outra forma pra usar o P/B! :)

Ótimo post. ^^

lufotografias disse...

Sou apaixonada por fotografia preto e brranco. Nem toda foto fica perfeita e quando ficamos na dúvida é só bater das duas maneiras e depois escolher.
As fotos divulgadas estão maravilhosas!
Ótimo final de semana para você!
Bjos,
Luka

Álvaro disse...

Buena entrada. Me pareció muy interesante.
Saludos.

Ellen D.B. disse...

Quando temos um pouco de tempo sobrando e muita dúvida, fotografar das duas maneiras é mesmo o melhor, Luka. Afinal, o resultado sempre acaba ficando um pouco diferente na tela do computador...

cristina disse...

gosto sempre de ler..e tentar outras coisas!!quem sabe não resultam ??

obrigado pela dica

bjinhos

Caio Rudá disse...

Gosto muito de fotos em preto e branco. Mas é como você falou, não basta descolorir, tem que haver uma razão.

A foto do garoto na água está fantástica!

Tcastela disse...

Olá, só uma ressalva, tem fotos que justamente por se tirar em pb podem ser usadas um iso maior, com um ruído proposital, você acaba brincando com a granulometria das coisas e dá uma sensação de textura, particularmente eu acho legal!
Abraços e ótimos posts!

Ellen D.B. disse...

É uma boa dica, Tcastela: quem já tem um bom domínio sobre o ISO pode arriscar e brincar com o ruído. Como eu sempre digo: o que vale mesmo é experimentar! ;)

Preto Zé disse...

NASCI COM ESSA AJUSTAGEM HA HE HA HE HA

marcelo disse...

Belo post, adoro ver fotos em P&B, mas as minhas são as piores hehehe

ruimnm disse...

Um belo post, muito educativo, aliás como sempre.

giancarlo fulco disse...

belíssimo post. só tenho uma "critica" a fazer qdo logo no início se recomenda fazer o ajuste para PB na câmera. Esse ajuste automático da câmera, não é o melhor ajuste de PB além do que se fazemos o registro de uma cena em PB perdemos a possibilidade de tê-la em cores. O mais recomendado então é fazer o registro em cores e a conversão para PB em um programa de manipulação ao nosso gosto.

levy silva disse...

kara valeu mesmo boas dicas ,é sempre otimo ter pessoas que compartilhão seus conhecimentos felicidades .

Postar um comentário